anúncio dopc

anúncio dopc

Gutman Uchôa de Mendonça - A criação do PT: Não sejamos cínicos. Sempre se roubou no Brasil

12 de fevereiro de 2015
Não sejamos cínicos. 
Sempre se roubou no Brasil.

Vem dos primórdios da colonização, das capitanias hereditárias, das vergonhosas distribuições de cartórios com os mais “renomados” analfabetos, ladrões e proxenetas, que cobravam por carimbada...

Vamos admitir que, embora reconheçamos que uns raros mantinham a seriedade e o respeito pelo bem público,  de resto, todo mundo roubava, de galinhas ao ouro do tesouro.

Puta que pariu! O PT inovou. 

O negócio não era aquela coisa de até 10%, a ladronagem de ouro pelos religiosos da Companhia de Jesus, que remetiam o ouro, desviado da coroa portuguesa, para sua ordem em Roma, no chamado “santinho do pau oco” e outras peraltices, até inocentes, em vista dos bilhões do mensalão, da Petrobras, dos diversos bancos e fundos públicos, um negócio de louco...

A roubalheira chegou a um descaramento, uma pouca vergonha que os fatos mais escandalosos surgem no noticiário com uma dolorosa simplicidade, como se o Brasil, suas instituições, pertencessem a essa corja de ladrões.

É impressionante como dona Dilma relutou, e como, para tirar a presidente da Petrobras, como se ela fosse uma vestal, uma inocente criatura, que não soubesse de nada que está se passando ou já passou pela poderosa estatal, que está se desmilinguindo, se aniquilando de tanto roubo.

O que é estranho, absurdamente inverossímil, é que esses assaltantes não são presos, saem flanando pelas ruas, avenidas, palácios os mais importantes e não têm quem se atreva a apresentar um projeto para prender tais ladrões, um impeachment contra dona Dilma que foi, afinal de contas, presidente do Conselho de Administração da Petrobras, que aprovou um dos maiores (se não o maior) escândalos comerciais envolvendo a Petrobras, a compra da refinaria de petróleo de Pasadena, nos Estados Unidos, por valores exorbitantes, acima do combinado.

A imoralidade escncarada; a construção da refinaria Abreu e Lima, em Pernambuco, por valores estratosféricos, como se essa corja fosse dona da chave do cofre do dinheiro brasileiro.

Se dona Graça Foster fosse realmente sensível às críticas que lhe são feitas, das responsabilidades que pesam na sua cabeça, pelas imoralidades praticadas dentro da Petrobras, no seu nariz, se realmente fosse uma mulher de princípios, largava a presidência até como uma fórmula de se isentar perante a história como não tendo nada com o bando de ladrões da Petrobras.

O PT pode se vangloriar de ter criado no seu meio o maior conjunto de pulhas de toda a história da humanidade. Não tem na história do mundo um caso de roubalheira semelhante.

Assim também é demais...

Gutman Uchôa de Mendonça é jornalista

COMENTAR

COPYRIGHT© 2007-2014 Don Oleari Ponto Com - Todos os direitos reservados - aldeia verbal produções e jornalismo - CNPJ:15.265.070/0001-49