anúncio dopc

anúncio dopc

Prefeitura manda patrolar avenida Gabiroba, no bairro Balneário Ponta da Fruta, V. Velha/ES, mas choveu e buracos voltaram

3 de junho de 2015

Reedição:
Logo que publicamos a informação, moradores do Balneário Ponta da Fruta telefonaram para informar que quase não deu pra comemorar.


O bairro cresceu muito. Hoje se 
constrói boas casas e o bairro
 está em constante valorização.

Logo depois do patrolamento, choveu novamente e os buracos voltaram com toda a força. 

Os moradores insistem no serviço de manutenção com cascalho ou escórea da siderúrgica para manter avenida trafegável.


Depois do Portal Don Oleari Ponto Com e Rádio Clube da Boa Música terem denunciado o estado de calamidade da Avenida Gabiroba do bairro Balneário Ponta da Fruta, Vilha Velha/ES, a prefeitura de Vila Velha se mexeu.

Moradores do bairro nos ligaram informando que na segunda-feira passada, uma semana depois da nossa denúncia, foi feito o patrolamento de toda a avenida.

- Eles eliminaram os 8 milhões de buracos da avenida contados por vocês", brincou um dos moradores.

Cascalho

Eles aproveitam para comentar e sugerir que só o patrolamento eventual da avenida não basta. Pedem à prefeitura para encascalhar toda a avenida, tornando-a mais trafegável em qualquer período.


Foto: Sergio Cardoso



Eles lembram inclusive que a Acellor Mittal dispõe de um tipo de escórea que se serve bem para esse serviço.

Lançado ao longo da avenida e compactado, dizem, esse material impede que se formem "os 8 milhões de buracos" mencionados por vocês naquela matéria.

Como se disse, o Balneáreo Ponta da Fruta é um bairro que cresceu, hoje tem bom comércio, entre outras atividades profissionais, e está bem próximo da ótima praia da Ponta da Fruta (foto), uma opção de bom lazer para seus moradores na temporada de verão (Oswaldo Oleari)..

Pitaco do Oleari

Como diria nosso colega e parceiro Rubens Pontes, lembrando os velhos tempos do jornal O Globo, "mais uma vitória do Portal Don Oleari Ponto Com / Rádio Clube da Boa Música".


COMENTAR

Joana Rezende Pacheco

o nome do rejeito para aterro é escoria.

COPYRIGHT© 2007-2014 Don Oleari Ponto Com - Todos os direitos reservados - aldeia verbal produções e jornalismo - CNPJ:15.265.070/0001-49