anúncio dopc

anúncio dopc

"Meu Deuuuss, meu deuuuss, mataram padre Cirilo! ": cronicascatinha do Oleari / Rock em Campos / Coletivo Macunaima: A cor da Pele / Diagonal

5 de maio de 2017
Diagonal, coluna do Oleari

"Meu Deuuusss, meu deuuusss, 
mataram padre Cirilo! "

O padre, animadaço, liderava a comunidade religiosa cultivando seu inegável carisma.

No centro da cidade, como em tantos outros centros de outras tantas cidades por essa época, passava o “trem de ferro”, quinemqui o tratavam muitos dos seus habitantes.

E só quem conheceu uma cidade por onde passou o trem de ferro diariamente, indo e voltando, descendo e subindo, acompanhando a correnteza do rio, sabe uquié a vida na cidade, que cresceu exato de um lado e de outro da linha dos trilhos.

Umas e outras ficaram sempre maiomenu meiqui vilas. Tantas outras, no entanto, cresceram tanto, tanto, que o trem de certa forma passou a ser estorvo, quinemqui aconteceu em Colatina, minha terra.

Lá, o então líder estudantil Claudio Antonio Lachini liderou campanha para a tirada dos trilhos do meio da véia da cidade. Em Cachoeiro de Itapemirim, o Tio Dorico Ferraço, com poderes de alcaide municipal, fez o trem mudar de rumo.

Certa noite, às margens da estrada de ferro, bem perto do famoso educandário cujo nome era devotado ao Cristo Rei, uma eguinha fagueira se dava todinha prum jegue conhecido na vizinhança. 

Jegue, ocesabi, é personagem de histórias hilárias devido a seu avantajado órgão sexual, dizem que desproporcional ao seu tamanho.

Baixotim mas arretado, jeguim se refestelava comendo a eguinha. Segundo dizem contemporâneos da eguinha e do jegue - entre os quais o Paulo Renato Fonseca, o Elyan Peçanha, o Salmo Calazans, o Deusdeditnho Batista, - era freguesa do jeguim, que vivia nas cercanias do educandário. 

Tava acostumada.

Niquiqui estivesse por ali, à toa na vida, olhando o trem passar, eguinha entrava na peia do jeguim. Quem já viveu perto de estrada de trem de ferro sabe dos perigos inerentes (ah, eu sabia que um dia ainda ia escrever “sabe dos perigos inerentes”...).

Certa noite, jeguim tinha dado a primeira na eguinha e, niquiqui que rodeava a eguinha pra mandar-lhe uma segunda, passa o trem e detona o jegue.

Transeunte que passou em seguida viu o jegue detonado perto do muro do educandário, com o dito cujo exposto e duro quinem um pau seco, ressalvando-se comparação. Afinal, o jegue ia “servir” a segunda na eguinha – quando o passante teve a macabra ideia.

Puxou do facão, cortou o avantajado dito cujo do jegue e o jogou por cima do muro do educandário das freiras: 

- “Você nunca mais vai comer a eguinha, seu filudaputa...”

Era noite e no educandário religioso todos dormiam. Pelo que se sabe, em educandário religioso dorme-se cedim e acorda-se madrugadinha.

Manhã seguinte as freiras começam seus afazeres e uma delas, encarregada da limpeza externa do pátio, acabou descobrindo a peia do jumento, cortada e ainda rija, e abre o berro: 

- “Meu Deuuussss, meu Deuuussss”, reagiu a irmã, desesperada, que despertou a atenção de outras irmãs. 

- “Quequi foi, irmã, quequi foi?” - foram chegando as outras irmãs.

- “Meu Deussss, mataram padre Cirilo.”

O padre, arretado, cultivava o hábito de madrugada sim, madrugada não, colocar uma freirinha pra ajoelhar e rezar bem antes dos ofícios religiosos matinais.

Certa feita, Padre Cirilo foi encontrado em pleno edifício Avenida Central, na esquina da avenida Rio Branco com Largo da Carioca, no Ridijaneru a dezembro, acompanhado de uma louraaaçaaa num restaurante.

Ao ser descoberto por um conterrâneo que por ali passava, Padre Cirilo desculpou-se:

- “Sabe, meu filho, estou pesquisando uns santos, mas não consegui achar nem um santim até agora pra nossa igreja”.



Oswaldo oleari ou oleare
@donoleari





Yuri Reis em apresentação inédita no Masterplace Mall

O cantor Yuri Reis se apresenta pela primeira vez no Giro Musical, no Masterplace Mall, na próxima terça-feira, 9, a partir das 18h30m. 

Nascido em Linhares, interior do Estado, o cantor, produtor musical, arranjador e músico multi-instrumentista iniciou sua trajetória na música ainda quando criança, aos 5 anos de idade. Aos 10, já ministrava louvor e músicas especiais em diversas igrejas, casamentos e festas da cidade.

Aos 17 anos Yuri seguiu para o Ministério Palavra da Vida, em Curitiba/PR, onde participou do grupo Emme (Escola Missionária de Música e Evangelismo). No ano de 2005 para liderar o Coro Hosana, juntamente com a cantora Alessandra Rangel, desenvolvendo diversos musicais.  

SERVIÇO
Giro Musical com Yuri Reis. GRATUITO.  Dia 9 de maio (terça-feira), às 18h30, na praça de alimentação do Masterplace Mall. 
Masterplace Mall - Av. Nossa Senhora da Penha, 2150. Barro Vermelho - Vitória – ES. (27) 3019-6336. (Com Thaís Tomazelli).

Dia do Rock em Campos/RJ

Neste sábado a 
partir das 14 horas 
na Casa de Cultura 
Villa Maria. 
Quem puder 
colabore com 
um quilo de 
alimento ou 
material de 
limpeza para 
serem doados.
https://www.facebook.com/artur.gomes.9083?fref=ts
Coletivo Macunaima de Cultura


Convite
enviado por 
Artur Gomes,

https://www.facebook.com/artur.gomes.9083?fref=ts







Star Wars tem evento nesta 
sexta no Masterplace Mall

Uma das sagas mais importantes do cinema mundial, Star Wars será o tema central do evento “GeekCon Pocket: May The Force” nesta sexta-feira, 5, no Masterplace Mall.

Haverá um painel para debater a importância da franquia, as novidades, os próximos filmes e ainda um concurso cosplay temático, em que o vencedor levará ingressos para assistir a pré-estreia da sequência da saga, intitulada “The Last Jedi”.

SERVIÇO

“GeekCon Pocket: May the Force” - painéis de debate, novidades, próximos filmes da saga e concurso de cosplay temático
Data: 5 de maio de 2015 (sexta-feira)
Horário: A partir das 19 horas
Entrada gratuita
Mais informações: thegeekguia@gmail.com / (27) 3019-6336.

Masterplace Mall - Av. Nossa Senhora da Penha, 2150. Barro Vermelho - Vitória/ES (Com Thaís Tomazelli).

COMENTAR

José Carlos Oliveira Prederigo

Sensacional a estorinha do padre Cirino e a quinta perna do jeguin arretado kkkkkkkkkkkkk rindo até 2028, amém, sua bença mestre !

Don Oleari

Valeu, meu caro José Carlos Oliveira Prederigo.
Brigaduuuuuuuú pela força de sempre.
Abração do Oleari.

COPYRIGHT© 2007-2014 Don Oleari Ponto Com - Todos os direitos reservados - aldeia verbal produções e jornalismo - CNPJ:15.265.070/0001-49